domingo, 5 de dezembro de 2010

Del sueño al final del fin de semana


Muitas vezes tentamos nos distrair da realidade,fugindo do que está por vir.
Eu tento pelo menos aproveitar o tempo enquanto não chega.
As etapas pro meu desespero estão ai, a cada fim de semana,em um tentei ser feliz,em outro me preocupei, nesse eu fugi,fugi pra dentro de mim, pro meu sono e minha alma.
Dormi a tarde toda, mesmo.
Foi a forma que achei de não me focar.
Espero que essas distrações saibam me acalmar na hora mais precisa.
Fique por perto a todo momento?Precisarei sempre de você.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Aniversario de la boda



Aniversário de casamento deles s2

Família, Família.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Que viene a la inspiración;

Que a inspiração venha para que eu posso escrever-te algo prestável aos olhos de alguém um pouco crítico apaixonado.


Ouvir a tua voz fez-me mas feliz hoje.
Porém o teu estar longe faz com que as tecnologias mais avançadas não funcione,e agora eu, no desespero de uma amante em chamas,fico parada em frente ao único meio de comunicar-me contigo. atenda-me.


eu te amo.

( avizo prévio, estou noiva! )

domingo, 28 de novembro de 2010

Falta lo que haces.

Só eu sei o que estou sentindo esses dias.
Perdida sem muito saber o que fazer.
Eu vejo a cada minuto que você está longe, o quanto a amo, e o quanto você é indispensávela minha vivência!

eu te amo meu amor, volte.

sábado, 27 de novembro de 2010

Con el tiempo. La segunda parte.

Na segunda parte desse evento,que nos dias de hoje está prestes a acabar,chegou uma futura estilista,uma poetiza de primeira,uma dona de uma logística impecável,uma futura médica, a miss Brasil,a meiguinha da Lare,a risonha da Mayra,uma bailarina que chegou e já se foi a bailar,e o vai e volta alienado do Tobias,tudo isso em meio de Semanas Paulo Freire, Expoetes e os intermináveis livros Bufânicos.
Dentro dessa desordem encontrei um caipira baterista que não desgruda do chato do Luís , uma amante internacional, os ChipChips, a trupe do teatro, as nerds do meio, os filósofos e os manolos, todos eles inesquecíveis,marcantes.
Hoje cada um busca seu caminho, o nosso encontro já está marcado daqui à dez anos, vinte anos, trinta anos, e chega por que aqui ninguém é adão e eva igual a Majô.
Nesses três anos ficamos em uma barca do inferno, ficamos na dúvida da traição, e por final vimos que a nossa sociedade EMD pode não ser corrompida pelo homem.

( aplausos )



'( que esse mar não te leve pra longe, que tu voltes aqui pro meu lado, que em meus braços sejas eternamente feliz, estou a morrer longe de ti, volte, volte logo meu amor,meus pensamentos estão em ti )

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Con el tiempo .

Oito anos foi o tempo em que me preparei para chegar aqui, ETEC Pedro Ferreira Alves, forçada a vim ao lugar no qual não era positiva.
No primeiro dia me deparo com um professor aparentemente carrasco e mais quatro antigas Feganas.Depois do tal carras ( ato que eu nunca vou esquecer ),virei-me para traz,olhei uma menina que eu nunca havia visto,a Mantovani,e a disse que eu não estudaria ali; que sem mais me disse para ter calma.
Nos reunimos em cinco, eu ,Mantovani, Tina, Bunda e o Rossi, os meninos se foram logo depois.
Os dias foram passamdo e fui obrigada a sair do meu mundo cor-de-rosa, me aproximar de algumas pessoas e fazer parte do trem do primeiro primeiro EMD, mais especialmente por três meninas, Maroni, e as Feganas Fraleone e Ferreira. Juntas durante um ano enxerguei que apesar da amizade forte eu era a diferente e queria conhecer mais e ai veio a Gonçalves , aquela de todas as horas até hoje....


Continua, sem paciência pra termina hoje.
a Saudade aflige meu coração, sinto sua falta como de ninguém.
e agora vou dormir com o cheiro do seu corpo, o imaginando junto ao meu.



sábado, 20 de novembro de 2010

Las sillas

Significado : ' Assento ou banco para uma só pessoa, com costas e algumas vezes com braços.'

Já pensaram que há todo tipo de cadeira?Onde as pessoas sentam, sobem, e as vezes até pulam.
Conheço uma cadeiras bem assim, além de pernas e braços, elas têm cabelos, olhos, e uma bocas que não se abrem.
Não é difícil encontrá-las, sai na rua, ou olhe do seu lado, sentada no sofá, ou experimente olhar no espelho. Elas sempre precisam de alguém em cima delas, é algo que as aconchegam as fazem mais feliz, as completam, se comunicam por elas, além de esquenta-las é claro!
É extremamente triste ver cadeiras a solta por ai, sem opinião, elas só pesam do mundo, e me fazem querer gritar.
Não seja uma cadeira, prefira ser um eqüino.


- Restart ganhou o prêmio de banda mais colorida do mundo na rádio blog ontem. ( virei cadeira para não postar críticas rebaixatórias ao grupo )


terça-feira, 16 de novembro de 2010

Tiempo de espera...

Ficar fora de cena por algum tempo é algo desesperador.
O que pouca gente sabe é que todos precisamos disso um dia.
Um ciclo de amizade muito extenso pode te fazer perder o gosto por quem vale a pena.
Nem todo mundo deveria ter acesso a sua vida, seus desejos, vontades e ambições, a questão é que o mundo está tão disperso que cada passo que dou, ouço:preciso twittar; eu depois dessa experiência '' Tiempo de espera '' vejo que toda essa globalização precisa ter limite. Dê valor.
É o valor deveria ser a bola da vez.



Desculpa Jaque, não vou propagar seu tombo!

Por: Rezende,Flávia.

abaixo.




Nada escrito abaixo terá muita importância de hoje em diante.

sábado, 28 de agosto de 2010

e o que fazer, quando não estam mais nem ai para você.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

refilta,

e o que você pensa sobre seus erros? acertos?
e sobre sua mente?
você pensa?
pensa no que faz, como age, e como é recebido, e recebe?
como você é tratado?

você pensa?
dê valor.

Flávia Rezende.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Só algumas informações importantes.

Não há quem possa atirar uma, duas, três, muito menos a primeira pedra, fique ciente, todos erram,mentem, e são desprezíveis.
Eu, tu , ele , todos andamos por tantos lugares diariamente, e quem diria, não observamos nada.
e quem diz que observa, não observa tudo.
O mundo gira em um segundo. Mudar, eu mudo, constantemente. Mas em um segundo? enquanto o mundo gira? isso me dá ânsia e vômito, é impossível, preciso de tempo, todos precisamos.
é bom mesmo se movimentar e estar vivo nesse mundo de sangue que corre nos olhos?
poucos correm nas veias. assim ouvimos milhares de vozes gritando, socorro.
e quem seria capaz de fechar os olhos , descansar em paz assim? quero ver quem é capaz.
E quem nunca foi um alvo? uma hora você vai ser o alvo que se arrisca. é difícil pensar que velocidade vai passar, e no fim você olha tudo e vê que realmente está errado. e ai você se fecha, e vive dentro do seu mundo. assistindo com atenção e ansiedade a vida alheia, de quem ainda está passando pelo alvo, onde agora chegou e vez de você atirar.
E isso é só minha opinião.
Mundo moderno, palmas para ele, otários.
é ele que te desconfigura todas as vezes, que te deixa com olhos de serem sem viva, inanimados.
e ai você pensa que pode configurar o sistema, esqueça meu bem você não pode, eles já te dominaram.
são eles que pensam, falam, compram, bebem, leiam, votam, usam, são,ouçam, tem, moram, gastam, eles vivem,e você, mais um inútil.
te programaram apenas pra dizer, não senhor, sim senhor.
Dizer, quem você é? você já não é mais ninguém, conforme-se.
você sabe como chegou onde está?
sabe tudo sobre sua vida? eu não!
Não te deixam seguir o importante, não te deixam seguir aquilo que você é, você não pode. você é estranho. bizarro!
e você não é um bonitinho.
adulto ou criança, o que é você?
Não se dê o luxo de se distrair.
não há mais ritmo, jeitos,não há como equalizar nada, nem você.
e todos temos nossas caras de sono, é tudo que temos.
todos são iguais.
todos tem o mesmo manual.
o mundo gira de vagar? não era em um segundo?
haha, yeah!
Houve um tempo? é o tempo.
é o tempo da fome, guerra, o tempo dos animais industrializados, armados, prontos pra guerrilha.
Não perdoou, não relevo. deixo ir em frente, somos, nossos próprios predadores, sendo assim que diferença faz?
Sangue, sangue, dá-me sangue.
e eu insisto em dizer que nós não somos capazes.
ninguém vai ganhar, porque já perdemos tudo.
deus não existe. é um dia real, e em toda esquina você vacila, não há céus pra te salvar.
Onde você vive é pura emboscada, uma armadilha preparada milimetricamente pra você cair.
Não adianta se esconder.
Game over, alias, talvez você prefira xeque matte.
ti ti ti;
você não vil, mais um dia já falou, isso é fato.
o primeiro gole ninguém gosta, que tal mais um?
e quem disse que um é dois, e desistiu da idéia pela metade, e deixou pra depois.
existe bem e mal?
e porque não seria tudo tão normal?
todos caminham para o mesmo barco.
mais nem todos do mesmo lado.
alguém acredita quando o outros dizem que está tudo bem?
não dá pra acreditar, nunca se deve confiar em alguém.
não confie em alguém.
Tudo é controverso, pode chegar tão simples, mais não se engane querido amigo, serão muitas placas sinais, mais mesmo assim você se perderá.
Você já não se reconhece mais. o tempo voltou a ir depressa, e você sabe, não está em suas mãos, o tempo não te obedecerá.
vivera para sempre com medos, e armas.
aaah, mais você é tantas coisas, e não sabe.
pensa que pode ir e vir, não caia nessa, tudo te aprisiona e você vive nessa ilusão de que possui muitas coisas.
mais são elas que te possuem. você é dependente.;
temos uma simples explicação : morféticos.
Dar um tempo pelo paraíso!
desejo.
você tentou com seu sorriso plástico, tentou ser tão simpático, desculpe. tarde de mais, a bomba já explodiu e agora só resta abraços vazios, olhares de gelo, descartáveis e cascas humanas no chão.
só resta hipócritas.
e nós estamos por ai aos montes.
Não sabemos do amanhã.
nem dos próximos dias.
e jamais saberemos do próximo mês, já disse já explodiu, não dura mais.
o tempo já passou, ficamos aqui, ignorantes, patéticos e imprestáveis.
seu tempo já passou, já passou.
a sua semana que vem não chegou.
esse foi o últimos dia de sua vida.
você perdeu a última chance de fazer valer a pena.
você não disse o que queria, não se arriscou.
e seu tempo acabou.
não há futuro, o presente já se foi.
e você foi deixado pra traz.


Flávia Rezende.

domingo, 25 de julho de 2010

Eu qria dormir por 60 dias.


Flávia Rezende.

sábado, 24 de julho de 2010

é

Eu odeio esperar.

Flávia Rezende

sexta-feira, 23 de julho de 2010

não.

Minha mãe me perguntou se eu queria uma calça colorida, e eu disse não.


Flávia Rezende.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Equalize o amor

"Às vezes se eu me distraio
Se eu não me vigio um instante
Me transporto pra perto de você
Já vi que não posso ficar tão solta
Me vem logo aquele cheiro
Que passa de você pra mim
Num fluxo perfeito..."

- Preciso dizer que penso em você, desse jeito mesmo, me transporto. Consigo sentir seu cheiro, se eu me concentrar bastante consigo até sentir seu gosto.

"Enquanto você conversa e me beija
Ao mesmo tempo eu vejo
As suas cores no seu olho, tão de perto
Me balanço devagar
Como quando você me embala
O ritmo rola fácil
Parece que foi ensaiado..."

- Posso dizer que vejo minhas cores em seus olhos e no reflexo dos seus olhos eu posso sentir o quanto o amor é real e está presente.
Me balanço e quase caio de amor, fluindo com ritmo, aumentando a intensidade para cada vez ficar melhor. Como se os ensaios fossem treinos, e com esses treinos o amor fica mais evidente e a gente o aperfeiçoa.

"E eu acho que eu gosto mesmo de você
Bem do jeito que você é
Eu vou equalizar você
Numa freqüência que só a gente sabe
Eu te transformei nessa canção
Pra poder te gravar em mim..."

- Mais do que gostar, tu sabes! E o melhor é que desse jeito, na verdade do jeito que faz comigo, é mágico. Ninguém é perfeito, claro, mas você realmente é aquilo que esperava de alguém! Ah, e como eu gosto disso.
Essa canção já está gravada em mim; você está gravada em mim, no hipotálamo.

"Adoro essa sua cara de sono
E o timbre da sua voz
Que fica me dizendo coisas tão malucas
E que quase me mata de rir
Quando tenta me convencer
Que eu só fiquei aqui
Porque nós dois somos iguais..."
- Quando você diz que vai dormir, parece um bebê. Quando você dorme primeiro, eu fico olhando e às vezes me sinto em transe, fico toda down de como é bom tê-la por perto.
E quando faz planos sem querer, quase me mata de rir. Deixo em mim subentendido todos os planos seus e meus que são ditos sem querer querendo. Agora já sem medo de que dê errado, deixar estar.

“Até parece que você já tinha
O meu manual de instruções
Porque você decifra os meus sonhos
Porque você sabe o que eu gosto
E porque quando você me abraça
O mundo gira devagar...”
- Você faz tudo como eu sempre quis, tudo acontece natural, meus sonhos, meus gostos, tudo.
O seu abraço, seu beijo, seu corpo no meu, você! Ah, faz girar beeem devagarzinho, saciando-me.

“E o tempo é só meu
E ninguém registra a cena
De repente vira um filme
Todo em câmera lenta
E eu acho que eu gosto mesmo de você
Bem do jeito que você é...”
- Quando juntas, tempo é só meu. Aquele tempo de aproveitá-la intensamente.
E eu acho que eu gosto mesmo de você, bem do jeito que você é.

“Eu vou equalizar você
Numa freqüência que só a gente sabe
Eu te transformei nessa canção
Pra poder te gravar em mim”
- Só nós sabemos como é e eu gosto disso. E essa canção só reforça o que eu e você já sabíamos: Quero gravar você em mim.

^^

Créditos : Daiane Aline Laurindo.

( Obrigada por me deixar apreciar de suas obras de amor tão admiradoras, só tenho a dizer: estranho,mais já me sinto como uma velha amiga sua )

Flávia Rezende

domingo, 18 de julho de 2010

Mentiras sinceras me interessam

(( NÃO VOU CONSEGUIR ESCREVER BONITO ))

Todos dizem que dizer a verdade é a melhor saída.


eu concordo, concordo.
Mais ultimamente certas verdades tem me feito pensar de outra forma.

Certas verdades não precisão ser ditas.

Sabe meu, é uma puta sacanagem essas verdades.

e eu sempre digo, não tem pqe se desculpar : você disse a verdade!
( mas num precisava ter dito!)

Tem coisas que eu não quero saber, que ninguém quer saber!

Quem quer saber que dar pra perceber que engordou uns quilinhos? ( vc sabe que engordou)
Quem quer saber que levou um chifre? ( na verdade todo mundo leva um dia )
Quem que saber de mais uma porrada de coisas? ( vc já sabe )


Tem coisas que não deveríamos saber.

Eu quero um pouco de mentira no mundo, o mundo real sufoca.

[[ não esse post não é pra você, é um acumulo da sociedade atual. ]]


Flávia Rezende





quarta-feira, 14 de julho de 2010

'Há quem diga que o para sempre não existe, e há quem faça ele existir.'


Flávia Rezende

terça-feira, 13 de julho de 2010

O dia dos dias.

13/07.

O dia dos dias.

Destinado a você.

Post a quem merece todos os meus sorrisos, e quem faz dos meus dias os melhores, a quem faz meus olhos brilharem, a quem me faz feliz. a aproximadamente 365 dias ;D


Ei, Waka Waka, esse é pra você.

I want you and your beautiful soul forever (:

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Desistir?

Eu já pensei seriamente nisso, mas nunca me levei realmente a sério.
É que tem mais chão nos meus olhos
do que cansaço nas minhas pernas,
mais esperança nos meus passos
do que tristeza nos meus ombros,
mais estrada no meu coração do que medo na minha cabeça.


[Cora Coralina]

(( ''entre Aspas'' ))
Flávia Rezende.

domingo, 27 de junho de 2010

Infância.




Por alguns momentos desse meus últimos dias badalados pude ver a felicidade da infância.
a inocência, a pureza,a beleza, a criatividade, o sorriso de uma criança, e também o choro dela.
Ser feliz por coisas tão simples, fúteis a olhos adultos, é exuberante, contemplável.
Passar uma tarde com crianças é uma aula de aprendizado, assim como um idoso.
Passear em um trem reluzente e com musica alta, me fez ver que pra ser feliz não é necessário muita coisa, me fez resgatar valores inadmissíveis a olhos corrompidos pela ganancia.
O brilho nos olhos das crianças me atrai, me faz querer fazer todas o mais felizes possível, elas são tão admiráveis.

é uma nova fase,a fase dos valores resgatados, do ego renovado, do espírito novo, dos olhos brilhantes por pequenas coisas.
Crianças, são vocês a fonte de inspiração dos meus dias conturbardos, perdidos, confusos.


Flávia Rezende.

chorei.

" Ontem chorei. Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu.
Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas. Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda- roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda a culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje é já outro dia. Chorei. Apronto agora os meus pés na estrada. Ponho-me a caminhar sob sol e vento. Vou ali ser feliz e já volto... "

Flávia Rezende.

terça-feira, 15 de junho de 2010

Momento Filósofa;


'Não há tempo para adaptações, a vida é intensa, insana e rápida,rápida.'

'Talvez eu nao tenha dito ou me expressado da forma correta, tampocou me preocuparei com isso, o tempo há de mostrar a realidade das minhas palavras cordenadas pelo simples desejo de escrever-lhe algo.'


Flávia Rezende.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Ser, não ser.


Ser ou não ser? Mera dúvida que paina sobre todos num exato momento da vida. E é sobre a minha que está agora. Ser ou não ser mais compreensiva, mais carinhosa, mais amiga, mais uma infinidade de coisas ; pra que ser tudo isso, se por um instante tudo isso vai ao chão, de uma vez só. E toda esperança que se tinha, acaba. Acaba. Como acreditar que tudo vai melhorar, se cada vez que me esforço termino vivendo uma decepção lastimável. Acordar e pensar: " hoje vou fazer dar certo", já não faz mais sentido. Cada vez que insisto nisso saiu com uma dor ainda maior do que a outra. Acumula, Acumula. Brigas sem nexo,palavras ao vento, sorrisor negados. Sentimento, o que sobra de sentimento? Sentimento derrotado.! Ninguém suporta. Aprendi que até os "pra sempres" mais sinceros são finitos. Não existe na realidade o que dure igualmente pra sempre. Tudo tem sua elevação e seu desgaste, tudo uma hora acaba fisicamente. Dentro de mim o amor vive,ferido,vive.
07/06 14:41H

Flávia Rezende.

quarta-feira, 26 de maio de 2010

26/05/2010 00:46

Achei que você não duraria muito tempo do meu lado, mas eu estava errada, eu estava errada.
E você sabe que hoje eu sou uma boba por você.
Eu nunca soube onde encontrar uma cura para a minha solidão. E o que eu precisava estava bem na minha frente. E um dia... a fumaça que se passava pela minha cabeça se tornou clara e eu tive fé de que não era apenas mais uma amiga que eu havia encontrado.
Não sei o que passava pela sua cabeça,mas na minha era só você, e é até hoje.
Nem um som sai da minha boca,a não ser mencionando seu nome.E quando estou com você,meu coração é como um balão, sensível e louco para subir às nuvens.
Nosso amor é como um balão partindo deste chão de pedra sem rota, com pouco espaço na cidade sem sorte tendo que dar um jeito de escapar deste mundo, um lindo amor,uma enorme estrada de sentimentos,um lindo amor,uma cama em chamas durante a noite,um lindo amor, cada toque seu me leva daqui para onde tudo é perfeito, um lindo amor.
De mãos juntas todas as noites eu peço o seu amor ETERNAMENTE, já não posso mais viver sem você.
E quando estou com você eu estou bem, os problemas desaparecem e palavras podem não serem ditas,mas um: EU TE AMO pode ser dito de várias maneiras, mais que palavras é o que você faz para tornar um sentimento real.
Eu faço e faria qualquer coisa para te ter comigo e te ver feliz; menina, eu viajaria o mundo todo para te encontrar,atravessaria o universo para te tocar, só me diga onde você me quer, só me diga onde você quer que eu vá, que: por amor, eu farei! Atravessaria o deserto por um beijo seu.Eu posso muito mais que isso e te farei feliz até o último dia da minha vida.
E quando meu corpo partir, vou ficar em seu coração eternamente

sz
Por você,tudo.

Créditos 137.

Flávia Rezende

domingo, 23 de maio de 2010

Da noite pro dia.

A principio tudo parecia e estava estranho.Confuso, tenso msmo.
eu a mais silenciosa, revirei pensamentoos, alma e corpo, corpo.
Quem diria?eu sem ao menos ligar para uma peça de roupa que seja?
estar livre de tudo que me cobriia me deixaria mais leve, solta e percepicaz;
Era uma noite,
eu, você, estranhando nossas atitudes,nossos corpos.
Chamar para conversar era algo que não se mantinha em meus habitos.
mas isso mudou, sabe,é divertido ;x como outras coisas que descubrimos.
Coisas mais divertidas aconteceram ao amanhecer quando vocês dispertou de uma noite conturbada. alias, conturbada pra mim , que fui expulsa da cama duas vezes, e ainda acordei aos seus gritos de um sonho de aquario.
e pra quem não acredita que as coisas mudam da noite pro dia, acredite!
isso é real.
ao sair de um sono leve percebi logo que tudo tinha mudado.
tava tudo diferente, mais legal, mais interessante, e posso dizer excitante? ;D
é como se as frutas necessarias pra fazer a melhor salada de frutas estivessem ali, a disposição!
e por que não desfrutar disso haan?
quer um passo a passo?
vamos lá!
temos a vista: mamao, melão, melancia,abacate,leite condensado acumulado,chantillin.
Pegue uma parte do abacate e misture de leve com o melão; em seguida, passe pela melancia e coloque mamao tbm. ABACATE NEEEELA.
mexe,mexe.
Com isso o chiantillin não se aguentou!
vazo tudo! o que ajudou muito quando se passa na melancia a fundo! experimente, fica uma delicia, bom msmo,eu não imaginava essa mistura, e você?
Mesmo com tudo isso, ainda falta um ingrediente, diremos que essescial, leite condensado, o que dexa tudo muito amis gostoso e satisfatorio. Você percebeu, sentio e teve esse ingrediente?
quando ele se derrama, da uma vontade de comer absurda! num é msmo?
inton dê as costas e não deixe de mostrar o quando gosta disso! eu não deixo!
Depois disso é só aproveitar e claro, muito abacate nelas.
Penso por um instante, nunca fizemos tanta salada de fruta,não?
Não ache que vai se sair limpinha!
Inton depois dessa receita o melhor é tomar um banho,concorda?
inton lá fomos nós, felizes, e satisfeits?
Satisfeits acredito que não, insaciaveis?
Talves.
Salada de fruta não engorda, aidna bem!
Parede gelada, e lá está vcê.
a Agua quente que escorre entre os 2 corpos não é mais quente que o desejo que ainda os possuia.
e algo enterrompe o que queriamos preservar por mais muitas horas...

e toda essa estranhesa,salada de fruta,conversas, risos, remedios e visões não tidas!
Nos une , nos disperta mais interesse, nos muda.
e no final, apenas um abraço e um eu te amo, verdadeiro, sencero.

Da noite pro Dia.


Flávia Rezende.

sábado, 22 de maio de 2010

Entenda.

Apenas tenho medo que isso tudo seja em vão.
Medo de que tudo que vivemos seja um dia passado.
Medo que deixemos de viver nosso amor.
Eu perdi o medo de deixar as coisas por você.
Eu vivo pra você.
Não sou de ficar exibindo certas coisas.
Não gosto.
Mais vou falar:
' Deixei meus amigos;
' Deixei minha Família;
' Deixei meu curso técnico;
' Deixei minhas baladas;
' Deixei meus shows;
' Deixei de usar certas roupas;
' Deixei de caminhar toda tarde sem rumo;
' Deixei de ir pra fazenda;
' Deixei Cachoeira de Minas de lado;
' Deixei de ser sincera com tanta gente, eu menti pra tanta gente;
E tudo isso por você;
Por você, por que eu te amo;
Eu não me arrependo.
Eu não te cobro isso;
Jamais vou cobrar, alias você nunca me pediu para que eu deixasse de fazer nada;
Eu fiz por que em tudo momento fiz e faço de você minha vida.
Ninguém, nem nada dessas coisas me traz a mesma felicidade que você traz;

Eu só queria um segundo pra poder dizer: num existe ninguém como você aqui;


Sorria para mim, e isso bastará.


Flávia Rezende.

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Estranha sensação.

Está tudo tão estranho, tudo tão fora do lugar;

é como se minha vida tivesse virado de ponta cabeça, voltado no lugar e desse uma volta ainda mais rápida, dessas vez me deixando de ponta cabeça.
meu sangue consequentemente,indo todo para meu cerebro;
me deixando de cabeça quenta com qualquer coisa;
assumo isso, estou me estressando fácil.
Mas certas coisas estressa até os mais calmos.

Eu odeio que me ignorem, odeio.
Odeio que virem as costas para mim como se eu não existisse ou fosse insignificante!
EU VALHO ALGUMA COISA!
eu não mereço ser ignorada e deixada pra traz!
Pode parecer carência, mas num é;
Caralho mano.estou farta de ser ignorada, deixada,recusada.
Porra, que que fiz pra merece isso?

Eu tenho um sonho.
Fazer o bem para as pessoas.
Fazer o bem pra jovens que muitas vezes perdem o chão, assim como eu.
Não quero deixar as pessoas passarem por certas situações que eu passo.

Quero poder acreditar que vou te ter a vida toda.
Quero ser feliz,morar numa casa de tijolinho a vista e janelas de madeira;
Fazer uma faculdade descente;
Ter um bom emprego;
Ter a quem amar,e por consequencia ser amada;
Quero poder viajar o Brasil, não o mundo.
Quero poder ver a agenda do meu celular e ter pra quem ligar quando precisar desabafar;
Quero sair no fim de semana;
Quero dançar até o dia clariar;
Quero subir num palco e conseguir mostrar aquilo que sei fazer;
Quero sorrir sem ter por que;
Quero ser taxada de louca sem usar produtos ilicitos;
Quero ir à shows e gritar até perder a voz;
Quero jogar uma rosa no mar e fazer um pedido, dois pedidos, o de sempre e um novo.


Mais eu tenho uma estranha sensação;
Sensação de ser tão incapaz de realizar cada uma dessas coisas.
acima de todos esses quereres e teres, eu queria primeiro de tudo me encontrar.
Saber me impor.
Saber e provar que posso ser melhor que muita gentinha que se acha ai.

Maldita estranha sensação que me mata a cada batida de meu coração.


Flávia Rezende.

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Complexa comparação.

Fiz uma comparação inusitada.
O amoe e os órgãos homólogos.
Sim, o amor e os órgãos homólogos
Explicarei!
Os órgãos homólogos são órgãos de origem embrionária semelhante e podem desempenhar funções distintas,dependendo do seu habitat.
Assim como o amor, que já recebemos no leito materno,quando ainda somos apenas um embrião,e conforme crescemos desenvolvemos formas de amar, desenvolvemos o que é o amorpara nós mesmos,dependendo muito com quem nos envolvemos,no meio em que vivemos.
Ambos têm a mesma estrutura, como as asas de um morcego e as nadadeiras de um golfinho; e meu amor pela minha mãe e pelo meu namorado.Mesma intenção do querer bem,desenvolvidas de formas diferentes ,por meios diferentes.
Queria que fosse fácil entender o amor, assim como é fácil entender os órgãos homologos com a técnologia de hoje.
A questão é que pode vir a técnologia que for, as novidades que for,nenhuma modernidade vai ser capaz de desvendar o mistério que é o amor.
Precisamos dos órgãos para sobreviver,mas consiguimos viver sem um braço ou perna.
Será que consiguimos e podemos viver sem o amor?
Eu não!
Seria justo darmos mais importância a aspéctos os fisicos à amorosos?


Flávia Rezende.

domingo, 16 de maio de 2010

Eu sempre andei recolhendo os percalços alheios, numa tentativa quase que impossível de dar fim ao que fosse que estivesse fazendo mal pra quem eu gosto. Durante um tempo carreguei responsabilidades, grandes até, pra minha idade, pegava as dores, enfiava na minha mochila de carga, e só... Só continuava. Tempo depois, perdi pessoas importantes, uma perda atrás da outra, botei gente de 23 anos no colo e deixei chorar, e as dores alheias eu ia depositando na tal mochila de carga. Já vi muitos amigos sofrendo, e o que eu fazia? Pegava aquelas dores, e simplesmente enfiava na minha mochila de carga. Altruísmo demais? Talvez... Quando dei por mim, minha mochila de carga estava cheia... E agora? E os meus problemas, onde eu enfiaria? Não tinha nenhuma mochila de carga alheia que agüentasse tudo o que eu tinha pra depositar. É por isso que eu escrevo. Porque cada tiquinho de tranqüilidade que eu dou a alguém, é um pouquinho da tranqüilidade que eu nunca tive.


me identifiquei (:
Flávia Rezende.

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Melhor amiga.


amiga é aquela que te mostra os defeitos, que te faz sofrer, e rir dos seus proprios erros.


mais hoje, eu teria tanta coisa pra te dizer aqui...

não vou consiguir dizer, pois eu sou fraca.
por que, pelo contrario que você pensa, eu sei que sempre estou errada. e que sou trouxo as vezes, ou sempre.


num vou falar mais nada. 'pois sou uma criança inconsequente que se sente bem vendo as pessoas sofrerem.'


e o que eu sempre queria concluir e que vc num me deixou,... é que quando me perguntam de você, eu digo que você é minah melhor amiga.


Flávia Rezende.
' O tempo passa, a vida segue, e somos obrigados a crescer! Sabe, na verdade as coisas nem são tão dificeis assim, por que tudo na vida tem seu preço, tudo tem um motivo! Os detalhes, os sorrisos, as lagrimas, tudo aquilo que faz parte da nossa vida, vira cotidiano. Aqueles momentos perfeitos que ficam presos no tempo, que se perdem no passado e fazem com que tudo o que sonhamos seja esquecido em questão de segundos! O amor, áah o amor, quem pode explicar um sentimento que é tão simples e ao mesmo tempo tão real? Só quem ama é capaz de definir esse sentimento! Queria eu, ser capaz de ter explicação para todas as coisas que a vida coloca na minha frente. Poder definir reações, relações, poder saber o que as pessoas estão sentindo, e saber se aquilo é verdadeiro. Queria poder sentir a liberdade de poder voar, sentir o vento bater na minha cara, e gritar pro mundo ouvir, que a melhor coisa da vida, é ser livre! Poder sentir que esta tudo bem, e que nada vai estragar os melhores momentos da minha vida! Seria tão bom poder ter certeza que tudo vai dar certo, e que nada vai dar errado. Ter certeza, que vamos ir dormir, depois de um dia ruim, e quando acordar, vai estar tudo bem, saber que tudo volto ao normal! Saber que tudo o que estamos fazendo tera um resultado bom, que nada é em vão. Mais na verdade a vida nem é assim, as pessoas são tão ruins, e as coisas nem sempre dão certo!
Seria tão bom saber que o sol irá brilhar todos os dias, e que tudo é sempre perfeito. Que nada na vida tem erros, e que nada vai estragar aqueles dias tão bons! Mais não! Nem sempre o sol irá brilhar, nada é perfeito, quase tudo na vida é errado e sempre quase tudo acaba com aqueles dias perfeitos! E de que adiantou tanto esforço? Tanto suor, e tantas palavras jogadas foras? Palavras ao vento, e pessoas a merçe da própria sorte! De que adianta crescer e não conseguir nem encarar os problemas? Não ter forças para seguir em frente, por medo de não saber o que vai encontrar no caminho! De que adianta erguer a cabeça, pra tentar olhar o futuro, se sempre tem algo pra nos fazer abaixar a cabeça de novo. Nada nunca vai ser como antes, como foi um dia, ou qualquer coisa do tipo. Tentamos, erramos, caimos, nos levantamos, mais nem sempre aprendemos! Que vontade de jogar tudo pro alto, sair correndo mundo a fora, e mostrar pra todo mundo, que no final, a gente sempre consegue! Eu quero olhar o futuro sem medo, sem medo de tentar de novo, sem medo de ser feliz e de ver que eu consigo! Mais no fundo vale a pena insistir, é so ter força pra continuar. Levanta essa cabeça e vá em frente, um sonho só vira realidade quando não só sonhamos, mais tambem corremos atraz dele, e se voce quer se limitar, tudo bem. Mais não deixe que ninguem faça isso por voce!


Flávia Rezende.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Ciumes.

Eu sou uma típica ciumenta!
Tenho ciumes de tudo, tudo msmo.
Desde minha mãe até minhas roupas, meu computador,meu celular e principalmente clarooo, MEU AMOR!

Mais sabe, eu to me controlando;
Já fui tão pior!

Tenhos mais 2 irmãos ( divido minha mãe )
Tenho amigas que amam minahs roupas ( eu empresto!)
Meu irmão num tem um pc ( eu dexo ele ver o orkut dele)
Meu celular,msmo acabado (eu deixo que gastem meus bonus!)
Eu tenho um GRANDE AMOR! ( mais esse sorry, eu não diviiido de jeeeito nenhum! )
hahaha'

Sabe, váaarias pessoas já tentaram, ja gostaram, ja se apaixonaram, ja desejaram;
Tentam,gostam,apaixonam-se, e desejam demaais, o MEU AMOR.

Mais gente, cai na real.é meu amor.

Temos algo a mais!
algo que nos une.Uma aliança não só material. é algo mais que material,além do material.é sentimento, é amor.
Todos os dias tem gente, fatos e acasos tentando nos separar.
mais quando olhamos nos olhos,nos tocamos,damos um simples abraço, tudo fica bem!

Hoje,depois de acabar com a 'seca',ainda sentindo o calor do seu corpo, eu fiz uma promessa: vou me controlar.

eu vou cumprir. mais se liga, meu amor é MEU amor.
;xx

Hey clube social, Te Amo s2

Flávia Rezende

domingo, 9 de maio de 2010

é dias delas.

é dias delas, delas. as mães.

Sou mulher, adolescente, não pretendo ter filhos.
Minha mãe me disse hoje que ja pronunciou essas palavras.

e hoje?
hoje com o maior orgulho do mundo ela é minha mãe.

Dedica todo seu tempo, amor, corpo e alma para me ver bem.

As vezes ela num em intende.
mais eu sei que no fundo o que ela uqer é meu bem, me proteger.


Mãae, parabéns pelo seu dia.

Flávia Rezende.

sábado, 8 de maio de 2010

Eu nunca faltei com respeito.
Sempre andei em linha reta,sem desvios, rumo a você.
Nunca desrespeitaria ninguém.
E sou desse mundo, pertenço a ele.
E por que só eu ajo assim?
Eu exijo respeito! só isso, peço muito?

Não costumo odiar as coisas, vivo numa paz tão intensa, numa sintonia tão perfeita.
Nem sempre foi assim.
Eu mudei.
Percorri caminhos que me deram uma coisa maior para que eu viva.
Tive uma transição entre a revolta, e o bem estar.

São poucas coisas que me levam a origem de loucura e perda de controle.
Aliás, só uma coisa.
Quando eu perder o controle, você verá.
E tudo pra você acabará. tudo.

Flávia Rezende

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Deixada.

Pela primeira vez na vida não fui tão egoísta com meus atos.
Minha face expressa nitidamente como estou po dentro.
Deixei de pensar em mim, deixei de pensar em nós,e me concentrei só no você.
Tudo que é capaz de me deixar tão bem, está me destruindo com tanta facilidade.
Nunca te culparei, porém, seus passos no escuro me deixaram aqui,ao simples relento do desapego.
Você vai, você vem, só eu não vejo,não percebo.
E quando você vem, ainda careço por uma fina esperança de que uam hora tudo ficará bem.
É só uma semana,mais uma semana e espero que tudo volte a ser como era.
As lágrimas já costumeiras em meu rosto ficam como as de uma criança que acha que o papai noel ainda virá .
As seco e permaneço em busca de um gesto de amor. Um gesto que me de segurança.
Não me arrependerei de viver para você.
Mais sendo egoísta eu possuia mais sorrisos.
Me tornei dependente.
E como um dependente de uma droga qualquer, enlouqueço em dias como esse, que sei que a droga está em falta.
Ela está ocupada.
Queria congelar meu coração.


Flávia Rezende

terça-feira, 27 de abril de 2010

Minha alma chora, e é ela quem chora com todo esse terremoto na minha vida.
Dizem que familia é a base de tudo.

Desde quando isso é verdade?
E quando sua familia te diz que quer seu bem, mais não abre os olhos para a realidade que vc quer viver.
Querem viver apenas naquele mundinho; e querem que você fique ali tbm.
Eu sou mais do que isso.
Aprendi a criar meus principios.
Sentar e conversar já não é a melhor maneira.
alias nunca foi, por nunca foram capazes de me ensinar algo assim.

A agr meu corpo e minha alma dói inexplicavelmente.


Flávia Rezende

segunda-feira, 26 de abril de 2010


Prove que você ainda pode ser feliz, aja e reaja, olhe a vida com outros olhos, não fique parado, não fique a espera de alguém ou algo, vá... Prove que você pode ser muito mais do que falam que você é, mostre a todos a sua capacidade de levantar a cabeça e seguir em frente. Provar? Sim, não deixe que te subestimem sem te conhecerem, não deixe falarem de você coisas que não são verdades, aja e reaja. Não abaixe a cabeça para ninguém, ninguém merece sua humilhação. Ande sempre de cabeça erguida, porque você é melhor que todos!

Créditos, Natália Marinho.

Seguir em frente.

Seguir em frente é algo extremamente necessario concordas?


Tem dias em que qual quer sussuro é motivo para fecharmos a cara, e brigarmos.
E não é bom.
Por isso resolvi não deixar mais chegar a esse ponto!
Pra que guardar?
Vamos no permitir, permitir que nossas verdades venham a tona no momento certo.


Não estou conseguindo escrever, mais é essa a mensagem!

Permitasse amar, expressar seu amor, permita que cada minimo sentimento seja exposto! você precisa deles.
se guardar não compensa.




Flávia Rezende.

domingo, 25 de abril de 2010


Olho fixamente em seus olhos, como se meu unico desejo fosse devora-los, engoli-los em uma só abocanhada.
Vejo sua boca calada, labios juntos, sem algum movimento que libertasse um som tranquilizador para mim.
Os nervos consomem minha mente a cada segundo deixado para traz, cada instante que perdemos não nos amando.Apenas perdemos, desviando olhares, e nos encarando em poucos momentos.
Quando meu tronco se vira para você e como magia seus labios deixam escapar um pequeno sorriso,é como se no final de um longo tunel houvesse uma grande luz, onde o caminho continua numa estrada iluminada pelo brilho que só você tem.
Com um curto e fragil movimento seus dedos buscaram os meus na imensidão tão proxima que nos separava, e assim pude me sentir segura novamente.
Só assim consigui ouvir aquilo que tanto almejava,sua voz leve tocou meus ouvidos com palavras jogadas ao vento, palavras que nem me recordo,recordo somente da sua doce voz.
Quando finalmente tudo parecia bem, nossos corpos se aproximaram e tudo fui capaz de esquecer.
Nada mais importava, nada mais valia, a não ser aquele momento que me trazia uma paz apenas sentida nos momentos com você.
Discordias acontecem, minah paciencia prevalece, não sei por quanto tempo,mais enquanto prevalece, aqui estarei eu, esperando o momento em que de mim você precisará,pode ser que seja pra um olhar, ou uma conta de dinheiro qualquer, um abraço que seja, estarei aqui.
' eu sempre ligarei,eu sempre vou estar aqui. '
Magua nenhuma que meu coração é capaz de sentir, é maior que meu amor por ti.
quando você me abraça, minha vida acontece.


Flávia Rezende.

sábado, 6 de março de 2010

Esses meus dias....


Tentando controlar as simples vontade dos meus ''por quês'' !
é estou parecendo aquelas crianças que estão descubrindo o mundo ou aqueles velhos rabugentos que tbm ficam perguntando toda hora PORQUÊ?

Esse é só mais um efeito do cuidar.
Eu tenho tanto medo de perder, de ficar sozinha, de não ter pra quem ligar, sei lá sabe?!
é tenso quando eu entro no orkut só de bobeira e vejo oq ue eu num queria vê!
Tipo: POR QUE O NOME DELA AINDA TÁ LÁ CARAMBA!

POR QUE, POR QUE?

Que inferno!
POR QUE se escreve em um perfil coisas que eu posso acha que é pra ela?

Agora eu estou aqui, batucando ligeiramente as ideias iluministas da minha vida
pessoal.

Sozinha eu passo a tarde e sinceramente?

Uma viagem, um copo de uma bebida qualquer e tudo se ajeita por algumas horas.

Vamos, vamos?


Flávia Rezende (: